Por Trás do Blog: Fanfic

E o Por Trás do Blog de hoje vai falar sobre a fanfic que estamos desenvolvendo. Brincadeiras e pseudônimos à parte, tudo o que vocês gostariam se saber sobre o nosso processo, inspiração e falta de noção para escrever nossa propria versão de “A Casa de Hades”.

 
Dessa vez, Ghost Writer e Franky nos esclarecerão essas dúvidas!
 
Koko: Como surgiu a ideia da fanfic?
 
Ghost Writer: Carajos, não dava pra começar com uma mais fácil não? xD
 
Franky: vai que é tua, Ghost xD
 
GW: Tudo começou com uma conversa entre eu e a Koko. Na verdade estávamos falando sobre os gunmages de Reinos de Ferro (porque eu tinha emprestado o livro do RPG prum amigo) e falávamos sobre como eles eram awesome, mas muito mal aproveitados no jogo e tal.
Eu tinha acabado de ler “A Marca de Athena” e “Os Diários do Semideus” e de repente percebi que um gunmage seria pra lá de legal dentro do universo de Percy Jackson… um filho de Hecate com armas! E assim nasceu a Morgan… e em torno dela, uma história onde ela pudesse aparecer.
F: Isso sem mencionar o fato de que a Ghost Writer sempre foi fã de Hecate.
 
K: Isso não é um pouco… sei lá, egocêntrico?
 
F: É, soou um pouco no final, agora que você falou o.õ
 
GW: Absolutamente egocêntrico, filha! Mas a graça das fanfics é essa: eu quero, eu faço LoL
 
F: True story xD
 
GW: O projeto inicial passou por muitas mudanças e ainda está em desenvolvimento, na verdade. Mas justamente pra fugir desse egocentrismo.
 
K: Justo. Ainda sobre isso, quem é que escreve a história?
 
GW: Euzinha, titia Ghost Writer aqui. Mas eu tenho a ajuda de todos. Sempre peço opinões pra todo mundo, até quem não faz parte do blog.
Tudo pra fazer a história com a maior qualidade possível.
 
F: É verdade, ela sempre manda trechos, pede opiniões, auxílos e sempre gera discussões.
Aliás, parte da graça são essas discussões, que ela sempre provoca quando discute os capítulos com a equipe xD
 
Gw: Discussões e viagem na maionese, minhas especialidades!
 
F: Sim, e ela sempre manda no final um capítulo fantástico, sempre acaba pegando a gente de surpresa.
 
Gw: Nada, só pego pessoas desatentas de surpresa xD
 
K: (também acho) Agora, sobre os personagens OC’s… quais são as inspirações pra eles?
 
GW: Olha, um monte. Não vou mentir, meus personagens são bem bidimensionais no começo. Penso sempre em uma característica bem marcante na qual quero dar destaque e ajusto o resto pra isso.
 
K: Algumas pessoas diriam que isso é uma atrocidade e te mandariam reler A Jornada do Escritor.
 
GW: Tipo como você, Koko? xD 
Na verdade o processo é bem intuitivo pra mim… um pouco de passado difícil aqui, um pouco de frases de efeito ali, um estilo de combate que se ajuste à personalidade e voilà. Todos podem criar os personagens que quiserem também e damos um jeitinho de ele aparecer.
 
F: Também tem o caso de como eles interagem entre si. Isso afetou a história de muitos personagens, dando uma “encorpada” na história de muitos.
 
GW: Sim sim
É importante estabelecer relações entre os personagens, especialmente falando dos filhos de Hecate, que já têm um passado não comentado em Percy Jackson e os Olimpianos. Procuramos espalhar as brechas que o mestre Riordan deixa também, pra coisa ficar mais orgânica.
 
F: Sim, sempre agrega valor usar essas brechas na composição das histórias, sempre entram em tópico nas conversas.
 
GW: E a gente discute bagarai /o/
 
F: Sim, realmente bastante xD
 
K: Tirando a Morgan e a Samantha que já apareceram na história, existe mais algum OC que vocês pretendem incluir no enredo?
 
GW: Sim sim, na verdade temos sim. Existe mais um OC que vai aparecer ainda nessa parte da história. Acho que vocês vão gostar muito desse personagem! ^^
 
F: Sim, e além disso, temos personagens que não são apenas do chalé de Hecate, mas cada coisa ao seu tempo, continuem vendo os capítulos para conferir!
 
K: Ahh… eu amo o cheiro de Mershandising pela manhã u.u
Qual seu OC favorito?
 
GW: Nossa, difícil! o.o
Acho que no meu caso é a Morgan mesmo. Ela é uma moça forte que não abre mão de suas convicções pelos outros, além de ser disciplinada e habilidosa. É a menina dos meus olhos! *u*
 
F: Perceba a corujice da pessoa xD
Bom, no meu caso vou falar de um OC que ainda não apareceu na história, pra não estragar os planos da Ghost Writer, apenas vou dizer que é um filho de Hefesto chamado Hunter! \o\
 
K: Pra encerrar agora! Como funciona a produção da fanfic?
 
GW: É bem variado, na verdade. Eu estou sempre escrevendo os capítulos novos, sempre onde dá: usando o smartphone no ônibus no caminho pra faculdade, ou na própria faculdade, entre aulas. Sinceramente, boa parte da ruminação mental vem desses lugares. Em casa eu organizo as ideias e formato os textos que já produzi.
 
material de estudo da Ghost Writer
produzindo o capítulo 10 manualmente
 
Anúncios

Comente!

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s